Skip to content

Gestão Cultural no Mercosul, Gestão Pública não Estatal e Mediação Cultural

29/05/2009

Por Juan Brizuela

No último dia do encontro ás 14,30 hs. (sala 9 da FACOM), aconteceu a mesa de trabalhos sobre Gestão, Mediação e Política Cultural. Carregada de palestrantes de excelente qualidade regional e internacional, a mesa começou com o trabalho de Selma Maria Santiago Lima (Secretaria de Cultura de Fortaleza): A gestão cultural como instrumento de desenvolvimento em Guaramiranga, Ceará. Selma ressaltou o baixo porcentagem de municípios com secretaria de cultura própria ( 4% aproximadamente) e como nas cidades pequenas com pouco desenvolvimento a gestão cultural gera um processo de transformação social importante.

Nessa mesma perspectiva as convidadas internacionais, Silvia Aballay e Carla Abendaño (CDE – Universidad Nacional de Villa María, Argentina) avaliaram os resultados de desenvolvimento cultural do programa da Universidade Nacional de Villa Maria, “Cultura para el desarrollo estratégico” (CDE).  Silvia trabalha com gestores culturais da provincia de Córdoba desde o ano 1992, procurando formar, qualificar e sensibilizar os atores culturais de diferentes municípios da região. Para as pesquisadoras cordobesas, a gestão cultural não aparece nos próprios funcionários de cultura nem prefeitos, como ferramenta de transformação e desenvolvimento local. Tampouco aparece nas campanhas políticas, nem sequer de modo instrumental. Quando aparece, só faz referencia a alta cultura ou cultura de elite.

Carla disenhou a complexa metodologia, com a novidade para os estudos semelhantes em Brasil de incorporar uma análise qualitativa dos dados recolhidos. As pesquisadoras reconhecem diferencias nos municípios que participaram do CDE, com equipes de trabalho cultural e parcerias em rede, com aqueles que não participaram do processo, com esforzos esporádicos, sem planificação nem sistematização ressaltando a necessidade de capacitação e formação dos gestores e atores culturais.

Silvia e Carla da Universidad Nacional de Villa Maria, Argentina

José Roberto Guerra (PROPAD – Pernambuco) fez uma interessante reflexão teórica sobre o empreendedorismo e a produção cultural a partir dos estudos culturais. José reconhece nos estudos cultuais um deslocamento do conceito de cultura, e nesse sentido critica o empreendedorismo norte-americano como super-homem carregado de voluntarismo, e tenta contextualizar e humanizar ao empreendedor. O pesquisador pernambucano propõe uma cultura empreendedora, num contexto histórico concreto como nosso espaço latino-americano que gere uma produção cultural empreendedora articulada, em rede, (re)construindo práticas e identidades locais.

Elizabeth Ponte de Freitas (FUNCEB) fez uma pesquisa sobre a Gestão Pública não Estatal. A partir da reforma do Estado, áreas como saúde, cultura, tecnologias da informação (TIC) e educação, formam privatizadas e estes serviços brindados por diferentes instituções particulares. No casso da administração da cultura, essas novas formas não estão falando somente duma nova gestão da cultura, mas também duma alteração das políticas culturais e do papel do Estado.

Rodrigo, Selma, Elizabeth e Leonardo escutando a mesa

A mesa fechou com a dissertação de Leonardo Costa (UFBA) sobre a Mediação Cultural. A partir dos diferentes conceitos de produção, gestão, animação e políticas culturais, Leonardo tentou reconhecer as diferencias entre eles em diferentes países e se realmente existia uma necesidade de criar novos conceitos para explicar a relação entre a empresa, o artista e a comunicação. Para o pesquisador da casa, em França aparece um corpo estável de gestores culturais, e uma linha bastante coherente nesses aspectos. Porém, para ele ainda fica sem resposta a questão de que conceitos utilizar e como explicar suas interações no campo da cultura.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: